Autor da biografia de Steve Jobs confirma existência da Apple iTV

Por Redação Olhar Digital - em 07/03/2012 às 09h45

  • Apple
  • Apple TV
  • Steve Jobs

Resumo: Em entrevista para o programa Roda Viva, Walter Isaacson declara que Jobs pediu sua opinião sobre a televisão interativa

Amantes da tecnologia, a notícia é mais do que certa: a Apple iTV existe. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (05/03) por Walter Isaacson, autor da biografia de Steve Jobs, em entrevista para o programa Roda Viva, da TV Cultura.
 
O vídeo foi disponibilizado pela emissora na íntegra, em seu canal no YouTube. Nos 57 minutos de bate-papo, o jornalista Caio Túlio Costa pergunta sobre uma declaração de Isaacson de que fará um complemento para a biografia de Jobs, ou seja, citações que não foram publicadas no título sobre a vida do empresário.
 
"Meu próximo livro será sobre a história de toda a revolução digital. Deixei algumas coisas fora do livro, não muito. Como, por exemplo, ele achava que deveria ser a televisão da Apple, pois a Apple ainda não fez isso e achei que não seria justo que eu dissesse como Steve achava que deveria ser", declarou Isaacson.
 
Além disso, o escritor afirma que Steve Jobs poderia ter se aposentado a qualquer momento, mas que trabalhou até o último minuto no que seria um aparelho de TV, ou no que seria uma ótima câmera fotográfica, ou como poderiam ser os livros. "Ele não precisava fazer isso, mas acho que foi impulsionado pelo desejo de criar grandes produtos, e não o desejo de ganhar dinheiro".



Em sua rápida passagem pelo Brasil na última sexta-feira (02/03), Isaacson participou de um almoço com um pequeno grupo de colegas onde também deixou suas impressões a respeito de Jobs e do que a Apple está preparando para lançar. Segundo o D24am.com, ainda existem nos laboratórios da empresa as duas últimas criações que levam do início ao fim da concepção a assinatura de Jobs: uma é o iPad 3; a outra, um aparelho de televisão.
 
A televisão da Apple será como um iPad maior, com a possibilidade de rodar aplicativos baixados da App Store, navegar na internet, tocar música, assistir a filmes comprados e alugados via Netflix ou iTunes, entre outras funções. Ainda não se sabe se o produto terá interface touchscreen, mas poderá ser controlado a distância por iPhone, iPod Touch ou iPad, permitindo a reprodução de conteúdos vistos nesses dispositivos através da AirPlay.
 
Até aí pode parecer uma televisão comum, mas agora vem a grande sacada: pelo fato de poder acessar os apps do iPad/iPhone/iPod e visualizá-los na TV, o usuário que assinar uma revista ou canal pago, como a HBO ou SporTV, por exemplo, poderá acompanhar a programação pelo próprio aplicativo do canal, ou seja, não precisará de uma operadora de TV por assinatura para contratar a funcionalidade. Isso seria aplicado a quase todas as ferramentas de interatividade disponíveis na App Store e outros serviços.
 
A televisão da Apple
 
Desde o lançamento do livro de Walter Isaacson, muito tem se especulado sobre quais produtos relacionados à TV poderiam estar em andamento antes de Steve Jobs falecer, em outubro de 2011. Na biografia está escrito que o último plano do mago da tecnologia era revolucionar os aparelhos de televisão, do mesmo modo que ele revolucionou os tocadores de MP3 e os computadores.
 
"Queria muito fazer com os televisores o mesmo que fiz com computadores, players de música e telefones: fazê-los simples e elegantes. Gostaria de criar um aparelho de TV integrado, completamente fácil de usar. Ele seria automaticamente conectado com outros aparelhos e seria sincronizado com o iCloud. Os usuários não mais precisariam se aborrecer com vários e complexos controles remotos para DVDs ou TV a cabo. Eu queria criar a interface mais simples que se pode imaginar, e finalmente consegui", disse Jobs.


Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais