Enfim, a guerra dos aplicativos chega no mundo das Smart TVs

Por Redação Olhar Digital - em 17/04/2012 às 16h24

  • Aplicativos
  • desenvolvedor
  • Desenvolvimento
  • LG

Resumo: Assim como no mercado de smartphones, os apps são o centro das atenções. Saiba o que as fabricantes estão fazendo para oferecer mais opções para seus clientes
Smart Tvs

O mercado atual tem forçado os fabricantes de eletroeletrônicos a se preocupar, cada vez mais, com os softwares disponíveis para seus dispositivos. Este, aliás, foi o "pulo do gato" de Steve Jobs ao criar uma loja de aplicativos para o seu bem-sucedido iOS. O Google veio na cola, disponibilizando um ambiente propício para desenvolvedores criarem softwares compatíveis com o seu Android e, mais recentemente, acompanhamos a Microsoft em sua trajetória para fazer o mesmo com o Windows Phone.

No caso das SmartTVs, o cenário não é muito diferente. As fabricantes brigam não só pela melhor tecnologia para a exibição de imagens, mas também pela quantidade e qualidade dos aplicativos que estarão disponíveis para seus clientes. Hoje, pode-se dizer que a oferta de aplicativos é um dos fatores que definem a compra de um televisor. Mas, como conquistar esse grupo de desenvolvedores e fazer com que eles foquem seus trabalhos na plataforma de uma fabricante em específico?

Um agravante no mercado das SmartTVs é a variedade de plataformas - apps feitos para TVs de uma marca não funcionam nas telas de outra fabricante. Isso dificulta a ascensão do mercado de desenvolvimento de apps para este tipo de aparelho. Os múltiplos sistemas e linguagens segmentam, eo resultado é uma oferta menor de apps e menos popularidade entre os consumidores.

Nas próximas páginas: marcas disputam desenvolvedores. E também: por que não criar um ambiente único para as SmartTVs?
Página 1/5
<< < 1 2 3 4 5 > >>


Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais