Está se iniciando no Debian GNU/Linux? A gente dá as dicas!

Por Redação Olhar Digital - em 08/08/2011 às 10h32

  • Linux
  • Software Livre

Resumo: Descubra quais as características da distribuição, a máquina necessária para rodá-la, ferramentas essenciais e textos para ler

Acabou de entrar para o mundo Linux e acredita que o Debian é a distribuição ideal para você? Que tal analisar melhor as características mais marcantes da distribuição e aprender algumas dicas para facilitar a sua entrada no mundo Debian?

Segundo o técnico de software livre da 4Linux, Bruno Gurgel, não há como traçar perfeitamente o perfil dos usuários de Debian. Isso porque esta é uma das distribuições mais utilizadas no mundo, tanto por organizações quanto por usuários comuns e desenvolvedores. Se você procura um sistema enxuto, multiplataforma com excelente sistema de empacotamento, boa integração e cuidado dos desenvolvedores com pacotes, esta pode ser a sua distribuição. Outras qualidades do sistema são a estabilidade, boa segurança e o fato de que qualquer computador pode suportá-lo, já que ele roda na maioria das máquinas pessoais, incluindo as mais antigas. "O recomendado para um sistema sem a parte desktop é de 256Mb de memória RAM e 1GB de disco rígido; já para a instalação com desktop são recomendados 512MB de memória RAM e 5GB de disco rígido", explica Bruno, que ainda lembra que o mínimo de memória RAM suportada pelo Debian GNU/Linux é 64Mb.

Vale destacar também que uma das maiores preocupações da distribuição é manter a compatibilidade com diversos tipos de máquinas e arquiteturas. Por isso que este seja, talvez, um dos sistemas com maior variedade de arquivos para donwload, cada um contendo pacotes para um tipo de usuário. Além disso, o Debian é uma das distribuições mais recomendadas para uso em servidores, devido a segurança e estabilidade. É por essas e por outras que o Debian se tornou uma boa alternativa a todos, inclusive para o usuário doméstico, que também pode contar com um sistema amigável. "A única característica que o Debian visa tanto quanto a multiplataforma é ser estável. Ele nunca vai liberar um programa que acabou de lançar sem fazer uma boa auditoria pela comunidade", comenta.

Com a escolha feita, é interessante ler primeiro o material interno, além do manual de instalação e perguntas frequentes. O técnico acredita que mesmo os usuários que já saibam instalar o Debian devem ler e buscar formas alternativas de fazer a instalação. Fora os documentos usuais disponíveis sobre a distribuição, a dica é conhecer o Debian Reference, que dá uma visão geral da administração da distribuição. Consultar informações na Wiki nacional e um grupo de usuários Debian (GUD) mais próximos para participar de atividades também são dicas importantes. "Existe o Debian Day, Debian Release Party e até mesmo a Deb Conf [Debian Conference]", conta.

Outra forma de se tornar mais "íntimo" da distribuição é ler um pouco sobre a história do Debian. Já para obter ajuda e dicas essenciais para melhor compreensão, é necessário acessar listas de discussões da comunidade. Por meio desses espaços é possível fazer perguntas e compartilhar com todos as dificuldades encontradas. "Uma das referências de lista que devem ser assinada é a debian-user-portuguese@lists.debian.org", comenta Gurgel.

É prioritário que o usuário iniciante conheça detalhes indispensáveis – e que podem ser encontrados na Referência Debian - como o interpretador de comandos, sistema de permissionamento, gerenciador de pacotes, ferramentas aptitude e dpkg, e um pouco da inicialização do sistema. De acordo com Bruno, também é válido lembrar que existem diversas ferramentas para instalar novos programas no Debian. Dentre elas, a chamada Software Center, ou Central de Aplicativos, que facilita ainda mais a busca e instalação de novos programas. "É fácil instalar novos programas no Debian e ele possui mais de 29 mil pacotes prontos para isso", conta.

Por fim, o técnico ainda sugere não deixar que os termos técnicos te afastem da sua escolha. Alguns dos jargões mais usuais podem ser encontrados aqui. Na lista de discussão debian-br@listas.cipsga.org.br, criada para colher informações para esta matéria, há uma série de tópicos que podem ajudar usuários recém chegados à distribuição. Além disso, outras referências podem ser encontradas nos sites listados abaixo.

Clicando aqui, você confere as dicas para usuários iniciantes de Linux em geral. E aqui, você confere o que cada uma das principais distribuições pode te oferecer.

Referências para Debian:

http://www.debian.org/

http://www.debian.org/intro/about#what

http://www.debian.org/social_contract

http://www.debian.org/intro/why_debian

http://www.debian.org/users/

http://www.debian.org/releases/stable/i386/ch02s01.html.pt

http://www.debian.org/releases/stable/i386/ch02s05.html.pt

http://www.debian.org/releases/stable/i386/ch03s04.html.pt

http://www.debian.org/doc/

http://www.debian.org/releases/stable/installmanual

http://www.debian.org/doc/user-manuals#faq

http://www.debian.org/doc/manuals/debian-reference/pr01.pt.html

http://wiki.debian.org/

http://wiki.debianbrasil.org/

http://wiki.debian.org/DebianDay

http://wiki.debian.org/ReleaseParty

http://wiki.debian.org/DebConf

http://wiki.debianbrasil.org/Regionais

http://www.debian.org/doc/misc-manuals#history

http://lists.debian.org/debian-user-portuguese/

http://www.hardware.com.br/termos/

http://wiki.debian.org/Aptitude

http://listas.cipsga.org.br/cgi-bin/mailman/listinfo/debian-br

http://kmuto.jp/debian/hcl

 



Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais