Google começa a cobrar para mostrar produtos no Google Shopping

Por Redação Olhar Digital - em 01/06/2012 às 09h06

  • e-commerce
  • Google

Resumo: Vendedores interessados em usar o mecanismo de busca de produtos do Google agora vão precisaar pagar uma taxa à empresa
Google Shopping

Vendedores que quiserem destaque no Google Shopping, serviço de busca de produtos do Google, agora terão que pagar uma taxa para a empresa.

Atualmente, para mostrar um produto no serviço, os vendedores precisam apenas fornecer alguns dados sobre eles. O Google, então, classifica os itens de acordo com popularidade e preço.

Mas, segundo o The Wall Street Journal, a partir de agora a empresa vai cobrar uma pequena taxa para quem quiser usar o Google Shopping como vitrine.

A mudança é uma tentativa do Google aumentar o tráfego no sistema de busca de produtos e de se tornar um nome mais forte no comércio virtual. O Shopping tem cerca de 80 milhões de buscas por mês, enquanto o eBay tem cerca de 900 milhões e a Amazon cerca de 335 milhões.

Com o novo recurso, o Google espera que lojistas vejam o seu serviço como uma boa forma de promover os produtos, já que ao pagar pela taxa o item aparecerá com destaque nas buscas feitas na ferramenta.

O Google Shopping gera cerca de US$ 800 milhões por ano para o Google com os anúncios que aparecem próximos aos produtos. Com a cobrança da taxa, o Google pode aumentar a receita do serviço em até US$ 1 bilhão.



Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais