Peças internas do Lumia são mais caras que as do iPhone

Por Redação Olhar Digital - em 31/05/2012 às 11h15

  • iPhone
  • iphone 4S
  • Lumia
  • Nokia

Resumo: Nokia vende smartphone top de linha mais barato do que a Apple, mas lucra menos devido ao custo de produção elevado
Nokia Lumia 900 apresenta problemas em software de gerenciamento de memória

O smartphone top de linha da Nokia, o Lumia 900, é vendido por US$ 450 nos Estados Unidos. O modelo mais barato do iPhone 4S custa US$ 649 sem contrato com operadora. O celular da Apple não só vende mais do que o da fabricante finlandesa como também dá muito mais lucro para a Apple do que o Lumia para a Nokia.

O custo das peças do Lumia 900 é um pouco superior ao do iPhone 4S, segundo o Wall Street Journal. As partes que formam o celular com Windows Phone custam, ao todo, US$ 209, enquanto o iPhone 4S de 16 GB custa US$ 190 para ser produzido.

A diferença de preço das peças dos aparelhos está principalmente na tecnologia mais avançada do Lumia. Ele tem uma tela maior do que a do iPhone 4S - 4,3 polegadas contra 3,5 polegadas - e a capacidade de se conectar a redes 4G LTE.

Isso significa que a Apple lucra quase o dobro do que a Nokia com o seu dispositivo, excluindo custos de produção, distribuição e divulgação. 

Para a finlandesa, isso é um problema. A Nokia sofre com a perda de espaço no mercado de celulares, pois foi superada pela Samsung e deixou de ser a principal vendedora de telefones após 14 anos.

Com isso, a fabricante tem apostado na popularização do Windows Phone, mas, até agora, não obteve sucesso. Os primeiros resultados de vendas da linha Lumia não agradaram investidores e, para as operadoras, o público não está interessado nos dispositivos.



Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais