Quase 90% dos brasileiros usam plano de celular errado

Por Redação Olhar Digital - em 25/04/2012 às 11h32

  • Celulares
  • Consumidor
  • Consumo
  • Telefonia

Resumo: Estudo mostra que alta variedade de ofertas e serviços de operadoras atrapalham na hora de escolher a assinatura indicada para o perfil

Os planos pós-pagos usados pelos brasileiros não estão de acordo com o perfil de uso de celular deles. Segundo um estudo do site Pricez, que avalia e compara planos de celulares, 87% dos consumidores fazem contrato errado com as operadoras.

Por não ter um plano de acordo com o perfil de uso, os brasileiros gastam em média R$ 980 a mais por ano com telefonia móvel do que poderiam gastar. O estudo mostra que um dos motivos para isso é a grande combinação de planos oferecidos pelas telecom - são diferentes ofertas de minutos de conversa, mensagens SMS e internet móvel, por exemplo. Isso dificulta o entendimento do que pode ser melhor para o cliente, de acordo com a pesquisa do site.

O valor pago pelo plano não é o único problema - em alguns casos, até mesmo a operadora usada pelo consumidor não é a mais indicada para ele.

A Pricez disponibilizou em seu site uma ferramenta para ajudar na hora de escolher um plano. Com todas as ofertas das principais operadoras do país em mãos, a consultoria criou um serviço que está mais próximo do perfil do consumidor.

No site da empresa, o usuário informa o consumo mensal em diferentes serviços de telefonia móvel - uso de internet, quantidade de chamadas feitas, operadoras para a qual mais faz ligações, quantidade de mensagens de texto e opções avançadas como duração dos telefonemas, uso de interurbano e chamadas pela noite.

A partir daí, a ferramenta cruza as informações com os planos oferecidos pelas principais operadoras e sugere o mais indicado para o usuário.



Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais