Review - IRIScan Book 2: scanner de mão é rápido e preciso

Por Redação Olhar Digital - em 24/08/2011 às 17h37

  • review
  • Scanner

Resumo: Gadget digitaliza documentos em 300 dpi sem necessidade do computador
iris

Alguns profissionais como advogados, corretores, executivos, vendedores, engenheiros e arquitetos têm a necessidade diária de copiar documentos. Hoje, as impressoras multifuncionais servem muito bem como scanner e também como máquinas fotocopiadoras, mas apresentam uma limitação: elas permitem pouca mobilidade, uma vez que precisam estar ligadas à tomada e à rede da sua casa ou escritório.

É nesses momentos que um outro equipamento desempenha o seu papel: o scanner de mão. Basta deslizá-lo pela página para que o sistema forme uma imagem digital daquela superfície.

O modelo IRIScan Book 2, da IRIS, foi testado pela equipe do Olhar Digital e nos surpreendeu pela agilidade na captura das informações. Ao contrário de scanners de mão mais antigos, o escaneamento pode ser feito a uma velocidade considerável (cerca de 3 a 4 segundos para correr uma página A4 na resolução padrão) e, graças a 4 rolamentos de borracha na parte inferior, o equipamento fica bem firme sobre o papel. Assim, você diminui - mas não elimina - o risco da lente ler imagens distorcidas. Este é o problema dos scanners de mão: eles não têm preview, por isso, você pode ter surpresas desagradáveis ao chegar em casa e perceber que algumas linhas não estão legíveis.

O equipamento é bem prático e portátil: com 25,7 x 3 x 2,9 cm, ele funciona a pilha (não precisa estar conectado ao PC para escanear) e pode ser levado para qualquer lugar. As imagens ficam arquivadas em um cartão Micro SD (um exemplar de 2GB é fornecido junto ao produto - essa quantidade é capaz de armazenar centenas de páginas em resolução padrão, mas o scanner aceita cartões de até 32 GB). Aí, basta conectá-lo ao PC a qualquer momento, via cabo USB, para descarregar o material armazenado.

Outra vantagem é a leitura OCR. Isso significa que qualquer letra impressa em boa qualidade pode ser transformada em texto editável. Assim, toda a informação capturada é salva em um documento do Word, planilha do Excel ou arquivo PDF. A edição do conteúdo, no entanto, é um pouco confusa. O sistema identifica "blocos" de palavras, de acordo com o tamanho da fonte, espaçamento etc, e é inevitável atropeçar em alguns momentos e apagar algo indevido. O reconhecimento OCR mostrou-se bastante satisfatório, com poucos erros de leitura. Mas, como em qualquer sistema de reconhecimento de caracteres, é sempre recomendável uma revisão no texto convertido.


Reprodução


Características Técnicas

Acessórios: Cabo USB, Cartão Micro SD (2GB), 2 pilhas alcalinas AA, CD com software Readiris Pro 12, pano de limpeza e bolsa de proteção.
Resolução: 300 a 600 dpi (monocromático / tons de cinza / colorido)
Peso: 149 gramas
Dimensões: 25,7 (C) x 3,0 (A) x 2,9 (L) cm
Preço sugerido ao consumidor: R$ 299,00


Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais