Tecnologia militar: sabia que muitas coisas utilizadas por você foram criadas para a guerra?

Por Stephanie Kohn - em 07/05/2012 às 15h49

  • Brasil
  • ciberguerra
  • Tecnologia
  • transporte

Resumo: Conflitos bélicos sempre impulsionaram a tecnologia. Conheça algumas das novas invenções focadas na defesa dos países
Tecnologia Militar

O mundo de hoje poderia ser bem diferente se algumas das tecnologias e invenções das guerras mundiais não tivessem surgido. Viagens de avião transcontinentais, radares, energia nuclear, computadores e conquistas espaciais são consequências de batalhas militares que desenvolveram algumas das tecnologias mais importantes do mundo. Quase todos os materiais de nosso cotidiano empregam alguma tecnologia bélica.

A web, por exemplo, apesar de não ter sido criada exclusivamente para alguma guerra, surgiu da vontade dos Estados Unidos obter novamente liderança tecnológica perdida para os soviéticos durante a Guerra Fria. A Agência de Projetos de Pesquisa Avançada (ARPA) criou o IPTO (Escritório de Tecnologia de Processamento de Informações) que ligou vários sistemas de radares espalhados por todo o território americano. A partir daí, a Organização Europeia para a Investigação Nuclear (CERN) foi a responsável pela invenção da World Wide Web como conhecemos hoje. No entanto, há controvérsias de que a internet tenha surgido para fins militares. Andreu Veà, presidente da Internet Society, afirma que, diferente do que todos dizem, a web foi desenvolvida apenas para que pessoas com acesso à informática pudessem compartilhar informações.

Outras invenções, amplamente usadas por civis até hoje, também merecem destaque pela curiosidade, ainda que não sejam ligadas ao mundo da tecnologia. O leite condensado e o chocolate são exemplos de produtos que ganharam notoriedade após conflitos militares. O principal ingrediente do brigadeiro foi criado para reduzir o volume do leite e contornar o problema de falta de refrigeração durante a Guerra da Secessão. Porém, quando os soldados voltaram pra casa, por volta de 1865, contando às famílias sobre o novo tipo de leite que tinham consumido, o inventor Gail Borden teve que iniciar uma produção em massa da novidade para atender as demandas.

Já o chocolate, mais especificamente o confete M&Ms, surgiu na Guerra Civil Espanhola. As tropas comiam pelotas de chocolate envolvidas numa casca dura e açucarada para impedir que o calor derretesse o alimento. A guloseima era tão bem recebida que o empresário americano Forrest Mars criou seus confeitos inspirados na ideia original. Em 1941, o produto ganhou ainda mais impulso entre os civis depois que o exército americano passou a incluir os M&Ms na ração dos combatentes da Segunda Guerra Mundial.

Reprodução

A margarina, por sua vez, foi criada devido a um pedido do sobrinho de Napoleão Bonaparte, que ofereceu um prêmio a quem conseguisse desenvolver uma alternativa barata para a manteiga, um produto caro e escasso na década de 1860. O imperador francês estava às vésperas da Guerra Franco-Prussiana quando a iguaria foi desenvolvida pelo químico Mège-Mouriès, em 1869,  e, por isso, conseguiu abastecer sua tropa com o produto.

O computador surgiu para auxiliar os militares e também teve sua origem no exército. Ele foi projeto dos Estados Unidos para ajudar nos cálculos de artilharia. O produto final ficou pronto em 1946, tinha mais de 2 metros de altura e ocupava uma área de 15 x 9 metros. O preço inicial era de cerca de US$ 400 mil e foi esta a ferramenta responsável pelos cálculos que ajudaram o exército a construir a bomba de hidrogênio, testada pelos americanos em 1952.

Atualmente, a evolução da tecnologia não depende exclusivamente das batalhas militares, mas ainda é bastante comum vermos criações surgindo da necessidade de defesa, segurança ou auxílio a algum país. Em alguns casos, os produtos desenvolvidos para atender questões militares também podem ser utilizados no meio civil, como ocorreu no passado, e acabariam mudando drasticamente a forma como vivemos. Veja nas próximas páginas as novidades que estão surgindo e opine: quais destas tecnologias aplicadas veremos nas ruas em um futuro breve?

Página 1/6
<< < 1 2 3 4 5 6 > >>


Recomendações
Ver todas
Últimos vídeos
Ver todos
Redes Sociais