Indústria automobilística abraça de vez a tecnologia

Cada vez mais, eles andam juntos: carros e tecnologia. Em 2016, a indústria automobilística entrou de vez para a era digital. Até porque, cá entre nós, se não fizesse isso, ia acabar ficando para trás, já que muitas gigantes do setor de tecnologia já demonstraram grande apetite pelo segmento.

Com isso, vimos marcas tradicionais das 4 rodas abraçarem ideias que nasceram no Vale do Silício. Destaque para os carros autônomos, é claro. Praticamente todos os fabricantes têm seus projetos para tirar os humanos de trás do volante.

O Google continuou expandindo seus planos nessa direção. Agora, já no final do ano, a gigante anunciou a criação de uma empresa inteira exclusivamente dedicada a seu projeto de carros autônomos. Ela foi batizada de Waymo e logo tratou de anunciar uma parceria com Chrysler.

Também a Apple resolveu se posicionar mais claramente e dizer que, sim, tem planos concretos para o setor. Só não detalhou muito que planos são esses.

Enquanto isso tudo acontecia, nas ruas da Filadéfia, a Uber colocou seus carros autônomos para levar passageiros. Por enquanto, um motorista vai junto, para agir em caso de imprevistos. De qualquer modo, a ideia está aí e ganhando velocidade.

As previsões mais otimistas dizem que a partir de 2020 já teremos carros autônomos circulando pela ruas o pelo menos nos países desenvolvidos. É esperar para ver.



RECOMENDADO PARA VOCÊ