Embed Apagar a luz Acender a luz Publicado em 28/03/2010 às 15h45
Copie e cole o código abaixo para compartilhar ou incorporar o vídeo.
<iframe src="http://olhardigital.uol.com.br/embed/blu-ray-veja-qual-a-melhor-opcao-no-mercado/11048" frameborder="no" scrolling="no" width="460" height="290"></iframe>
FECHAR

Blu-ray: Veja qual a melhor opção no mercado

  • Blu-Ray
Vídeos relacionados
Ver todos


Imagens em alta-definição. Nos últimos anos, você ouviu falar muito disso. E esse novo patamar de qualidade está intimamente ligado aos discos Blu-ray. Como já não era sem tempo, os aparelhos que lêem os discos começam a ficar um pouco mais baratos – o que pode fazer o produto deslanchar. Analisamos três modelos: o Samsung BD-P4600, o LG BD-370 e o Sony BDP-S360.

O primeiro quesito que avaliamos foi a quantidade de conexões. Mas, aqui, os 3 ficaram empatados. Todos oferecem a mesma coisa: saídas de vídeo componente, saída de áudio digital, saída HDMI e saída de áudio stereo, entrada USB para visualização de vídeos, fotos e música, além da conexão à internet via cabo. Na caixa de todos também vem o cabo HDMI, item essencial para que você consiga visualizar imagens em alta definição.

O aparelho da Sony insinua mas não entrega um recurso que poderia ser bem legal: conexão sem fio. Na verdade, o aparelho oferece apenas a preparação para conexão a uma rede Wi-Fi. Para usar o recurso, você ainda terá que ir atrás de adaptadores que não vêm junto com o produto.

Aqui, mais um empate. Os controles remotos dos três produtos trazem exatamente as mesmas funções. A única diferença fica com o da LG, que traz alguns botões embutidos dentro de uma capinha. É uma boa proteção para que as teclas não sejam apertadas inadvertidamente, mas também pode significar dificuldade na usabilidade do produto.

E já que o assunto é usabilidade, que tal avaliar o menu dos aparelhos? Aqui percebemos a primeira diferença. O menu do aparelho da Sony se destaca, apresentando muito mais opções. Samsung e LG oferecem basicamente as mesmas coisas.

Aparelhos Blu-ray, normalmente, demoram muito mais para carregar um disco do que os aparelhos de DVD. E aqui, a vantagem também fica com a Sony. Se este é um quesito que faz diferença para você, basta deixar esse item aqui ativado. Dessa forma, o aparelho ficará em constante vigília. Ao inserir um disco, ele será rapidamente carregado. Mas isso também significa que mais energia será consumida pelo aparelho, mesmo em estado de repouso.

Apesar desse ser um quesito subjetivo, é provável que ninguém vá discordar: o aparelho da Samsung é, de longe, o mais bonito de todos. O design moderno e compacto agrada e funciona bem na sala de qualquer pessoa. Além disso, não existem botões. O corpo do aparelho é touch-screen e os botões são iluminados a partir do momento em que o blu-ray é ligado.

Assim como no mundo dos DVDs, o mundo dos blu-rays também é dividido em regiões. Isso significa que, teoricamente, um disco comprado no Japão, por exemplo, não funcionará no Brasil. Mas ao contrário da tecnologia anterior, dessa vez nós fomos classificados na mesma categoria dos norte-americanos. Então, qualquer filme lançado por lá também está, automaticamente, disponibilizado para nós assistirmos. Isso, por si só, já é uma grande vantagem. Mas, de qualquer forma, é super fácil desbloquear os equipamentos para que eles consigam ler discos de todas as partes do mundo. Nesse aspecto, todos os aparelhos avaliados estão em pé de igualdade. O problema é mesmo a quantidade de títulos disponibilizados pela indústria. Hoje, é difícil encontrar locadoras de discos blu-ray com um bom estoque disponível. Só para você ter uma idéia, a equipe do Olhar Digital precisou percorrer 4 locadoras diferentes para encontrar uma que disponibilizasse títulos interessantes. Aqui, a nota ruim vai para a indústria cinematográfica, que ainda não conseguiu encontrar um modelo de negócio que instigue os consumidores a apostar no Blu-Ray.

Já que o aparelho pode ser conectado à internet, por que não disponibilizar o acesso ao Youtube? Foi com esse raciocínio que LG e Samsung criaram uma plataforma própria para a visualização de vídeos online. É possível fazer o login na sua conta e até visualizar seus favoritos. O aparelho da Samsung leva a melhor neste quesito. Vídeos são exibidos com boa qualidade. A velocidade do download também é bastante satisfatória e a forma como o teclado virtual é exibido na tela facilita a digitação do texto.

O aparelho da Samsung estava se comportando muito bem nos nossos testes, até chegarmos a este quesito. Nas lojas, ele tem sido vendido a R$ 2499,00 reais! Enquanto o da LG é ofertado por R$ 899,00 e o da Sony a R$ 799,00 reais. Será que essa diferença no preço justifica suas vantagens técnicas?

Como sempre, analisamos todos itens, mas demos peso dois para o preço. Aí, a balança pesou contra o Samsung e a favor da LG e da Sony. Ao final, a escolha do Olhar Digital como melhor aparelho Blu-ray ficou com o aparelho da LG. Um dos diferenciais que ajudou o produto da empresa coreana no desempate foi justamente seu acesso à Web, além, é claro, do preço, muito próximo ao da Sony.


Últimas notícias
Ver todas