Embed Apagar a luz Acender a luz Publicado em 11/03/2012 às 15h45
Copie e cole o código abaixo para compartilhar ou incorporar o vídeo.
<iframe src="http://olhardigital.uol.com.br/embed/outros-modelos-de-ultrabooks-aterrizam-no-brasil-confira-quais-os-diferenciais/24728" frameborder="no" scrolling="no" width="460" height="290"></iframe>
FECHAR

Os Ultrabooks já estão disponíveis no Brasil. Conheça alguns modelos

  • Brasil
  • Computadores
  • Empresas
  • Intel


Vai ser difícil escolher um só! Novos modelos de Ultrabooks estão prestes a chegar ao mercado brasileiro. Como determina a categoria, todos com espessuras inéditas e bastante leves. Não diferente dos Estados Unidos e da China, onde os modelos de Ultrabook já se aproximam de uma centena, a aposta dos fabricantes por aqui também é grandiosa.

Tony Firjam é diretor da divisão de IT da Samsung e explica que o Ultrabook "é uma categoria que deve gerar no Brasil algo em torno de 10% a 15% do volume de notebooks do mercado brasileiro". Ele explica que a empresa tem interesse em focar bastante nesse segmento para o ano de 2012 e expandir essa linha de produtos para os próximos anos.

Nesta mesma direção, o IDC prevê que, em 2015, os Ultrabooks irão representar 25% do mercado mundial de portáteis. Erick Cano, gerente de produtos da HP, diz que "25% pode ser algo tímido. É uma fatia de mercado muito importante para a qual os consumidores estão migrando, para um computador mais portátil e de mais performance", diz.

Já o gerente de produtos da Dell, Carlos Augusto Buarque, explica que "o Ultrabook tem uma série de características, desde desempenho e boot mais rápido à opção de se manter conectado mesmo em modo de espera".

Uma série de especificações, além do peso e da espessura, define se uma máquina pode realmente ser classificada como Ultrabook. Bateria de longa duração, rápida inicialização e novas características de segurança são algumas delas. Conectividade também.

Tony nos explicou um pouco dessa conectividade: "Mesmo no modo 'hibernar', ele continua atualizando seus e-mails e suas redes sociais. Então, é um produto para quem tem necessidade de estar 100% conectado durante todo o tempo".

Para cair nas graças do consumidor, as marcas apostam em outros diferenciais em seus modelos, desde dispositivos extras de segurança a teclados iluminados, mas, principalmente, no que diz respeito à estrutura do aparelho.

Carlos também explica que, nos produtos da empresa, utilizam materiais leves e resistentes: "Os materiais que utilizamos são alumínio, fibra de carbono, liga de magnésio, que o deixam leve, resistente e confortável para quem for usá-lo no colo, por exemplo, ficando com menos calor na base do computador".

À primeira vista, os Ultrabooks podem parecer equipamentos delicados e frágeis. Mas há ainda uma grande preocupação com a resistência de uma máquina que, antes de tudo, deve ser carregada de um lado para o outro o tempo todo. Erick diz que, nos produtos da empresa, o alumínio faz presença, o que é "um diferencial, visando a durabilidade do investimento do cliente, seja ele corporativo ou pessoa física", diz.

Alguns modelos terão a vantagem de serem fabricados aqui mesmo, no Brasil. Outros serão sempre importados. Mas a tônica que domina a indústria é que esta é ainda uma primeira fase e que muita novidade ainda está por vir, cada vez com mais performance e novas tecnologias atendendo sempre o desejo dos consumidor.

Carlos diz que o Ultrabook deles "é o 1º de uma linha de produtos que vamos lançar esse ano, o que realmente vai transformar o nosso portfólio".

Quer conhecer outros modelos de Ultrabook recém-chegados ao país ou modelos que estão prestes a desembarcar por aqui? Acesse os links acima! Aproveite também para conhecer tudo sobre essa nova categoria que em pouco tempo deve dominar as prateleiras em todo o mundo.
Página 1/199
<< < 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 > >>
Página 1/4
<< < 1 2 3 4 > >>
Últimas notícias
Ver todas