Black Friday faz lojas baterem recorde anual de reclamações

A Black Friday inflou as avaliações das empresas que vendem pela internet, só que de um jeito ruim. Em apenas seis horas de evento, as campeãs de reclamações na lista oficial do Reclame Aqui receberam mais queixas do que suas médias diárias.

Até as 6h, o Extra.com.br tinha 183 citações, sendo que o recorde da empresa no ano eram 135 (visto em 25 de fevereiro). Às 11h42, esse número tinha saltado para 278 reclamações.

Já o Ponto Frio tinha 139 queixas às 6h, sendo que o recorde anterior, de 27 de setembro, era de 137. Agora são 235. Na Casas Bahia o recorde de 86 reclamações, visto em 23 de agosto, foi superado por uma queixa - neste momento há 115.

Americanas.com e Submarino vêm em seguida no ranking, mas não tinham batido seus recordes do ano às 6h, embora ultrapassassem as médias diárias: 56 a 44 e 40 a 31, respectivamente. Agora a primeira tem 92 e a segunda, 69.

Confira o ranking, atualizado, clicando aqui. Às 14h45, a página se encontrava fora do ar provavelmente por causa do intenso tráfego de acesso.

Offline

Durante as primeiras horas do dia, algumas das principais lojas virtuais não aguentaram a demanda e apresentaram instabilidades. Americanas.com e Submarino saíram do ar e frustraram clientes interessados em aproveitar as promoções.

Reprodução
Reprodução





RECOMENDADO PARA VOCÊ