Demanda forte faz Nintendo dobrar produção do Switch

Menos de um mês após seu lançamento, o Nintendo Switch já aprece ser um tremendo sucesso. É isso que indica uma reportagem do Wall Street Journal, de acordo com a qual uma forte procura pelo console teria motivado a empresa japonesa a dobrar a produção do dispositivo.

De acordo com o jornal, a Nintendo pretende agora produzir um total de 16 milhões de unidades do Switch em seu próximo ano fiscal (que começa em abril). Essa é uma das primeiras indicações de vendagem do sucessor do Wii U que aparece; antes disso, havia apenas a informação de que a empresa pretendia vender entre 2 milhões e 2,5 milhões de consoles no primeiro mês.

Volta por cima

Caso esses números se confirmem, o primeiro ano do Switch superaria, por si só, as vendas do Wii U em toda sua vida útil. De acordo com a própria Nintendo, o Wii U vendeu apenas cerca de 13,5 milhões de unidades desde que foi lançado, no final de 2012.

E Com esse sucesso, a empresa voltaria ao patamar de vendas estabelecido pelo Wii original, que vendeu cerca de 20 milhões em seu primeiro ano, e mais de 100 milhões no total. Em números brutos, no entanto, o Wii ainda fica atrás do Nintendo DS, cujas versões (excluindo as do 3DS em diante) já venderam mais de 150 milhões de unidades.

Ainda assim, como sugere o The Verge, permanece a possibilidade de que o Switch venha a bater o recorde do Nintendo DS. Isso porque ele é tanto um console fixo quanto um dispositivo portátil. Por esse motivo, os fãs da empresa podem vê-lo tanto como um sucessor do Wii U quanto como um sucessor do 3DS. Assim, ele atrairia o público que gosta desses dois consoles, e venderia ainda mais.