'Apple está virando a Microsoft', diz Steve Wozniak

Steve Wozniak não trabalha mais na Apple desde os anos 1980, mas até hoje é lembrado como cofundador da empresa ao lado de Steve Jobs. Não é raro, portanto, encontrá-lo dando seus pitacos sobre o estado da indústria de tecnologia, que ele mesmo ajudou a transformar.

Em uma entrevista publicada nesta sexta-feira, 21, pela revista norte-americana Fortune, Wozniak falou sobre a evolução do mercado e aproveitou para cutucar a Apple. O jornalista Jonathan Vanian perguntou se o ex-engenheiro imaginava, quando ele e Jobs começaram a Apple, que um dia o mercado seria dominado por empresas de software como o Facebook.

"Bem, havia a Microsoft", disse Wozniak, lembrando a eterna rival e criadora do Windows. Em seguida, ele cita um rumor de que a Apple está desenvolvendo um software para operar carros autônomos e que planeja licenciá-lo para montadoras. É quando o cofundador da Maçã emenda: "A Apple está virando a Microsoft".

"A Microsoft tinha um sistema operacional que era a joia deles, e então eles o licenciaram para todo mundo. A Apple disse não - eles queriam fazer também o hardware. Hardware e software devem andar juntos [em computadores], mas não tanto em carros", completou Wozniak.

Na mesma entrevista, o cofundador da Apple fala também sobre o bilionário Elon Musk e a sua SpaceX, empresa que recentemente conquistou o feito de pousar um foguete usado pela segunda vez. "Exploração espacial [...] exige financiamento. Mas o orçamento da Nasa parece tão pequeno que não me surpreende que grandes corporações privadas consigam fazer a diferença", disse.

"Ninguém esperava o iPhone. Ninguém esperava o Google. Ninguém esperava que Facebook e Twitter fossem tão grandes. É muito difícil prever com uma planilha o que faz sentido, porque senão grandes empresas que já existiam teriam criado essas coisas. [A SpaceX] não surgiu do nada, mas sim de indivíduos tentando fazer algo muito arriscado", completou Wozniak.





RECOMENDADO PARA VOCÊ