Associação leva Samsung à Justiça por travamento no Galaxy S3

A Associação de Consumidores Proteste enviou nesta segunda-feira ofício ao Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, do Ministério da Justiça, pedindo providências sobre o "defeito recorrente de travamento do aparelho no telefone celular Galaxy S3 (Modelo GT-I9300)".

A entidade alega ter sugerido à empresa que recolhesse todos os aparelhos afetados para correção, mas não obteve sucesso. A solução apontada pela Proteste seria a substituição da placa mãe do celular, a troca dele ou o ressarcimento dos valores desembolsados conforme manda o artigo 18 do Código de Defesa do Consumidor.

De acordo com a Proteste, relatos dos consumidores dão conta de que a assistência técnica não consegue resolver o defeito. Em contato com o SAC da Samsung, os usuários são orientados a resetar o aparelho e reiniciá-lo, mas o problema aparentemente permanece.

A associação afirma ter pedido melhorias no projeto e na fabricação do modelo porque a falha também afeta consumidores em outros países. Se você é um dos prejudicados, a entidade recomenda entrar em contato por este email para saber como agir.

A Samsung foi procurada para comentar o assunto, mas ainda não se pronunciou. 





RECOMENDADO PARA VOCÊ