Android 7.1.1 causa problemas em celular e faz Google lançar 'desatualização'

Quando sai uma atualização do Android, é sempre aquele misto de expectativa de receber novidades e incerteza de não saber quando ou se vai poder usá-las. No entanto, a vida dos usuários do Nexus 6 está especialmente difícil; não só eles viram a atualização chegar com muito atraso como também receberam uma desatualização do Android.

Pareceu confuso, mas foi exatamente isso que aconteceu. Os donos de um Nexus 6 receberam as versões 7.0 e 7.1.1 do Android muito depois de todos os outros aparelhos Nexus. Quando o celular finalmente alcançou os demais, surgiu uma série de bugs; um novo pacote de correções de março solucionou os problemas, mas criou outros, desabilitando o importante Android Pay.

Sim, a situação do Nexus 6 é tão confusa que talvez fosse melhor nem mesmo ter recebido nenhuma atualização. Ao se deparar com tantos problemas, o Google pensou a mesma coisa e decidiu lançar um pacote de “desatualização” do Android para o celular, regredindo o sistema da versão 7.1.1 para a 7.0.

Obviamente que isso também trouxe problemas, porque a vida do usuário do Nexus 6 não pode ser fácil. Usuários do Reddit relatam que fazer o downgrande do Android fez com que todos os aplicativos instalados no aparelho travassem constantemente. O site Android Police nota que isso não chega a ser surpresa, uma vez que o sistema operacional não foi feito para receber uma desatualização de software sem antes passar por uma limpeza completa dos dados.

No próprio Reddit, um gerente de comunidade deu uma explicação mais oficial sobre a situação:

“Houve uma atualização recente para o Android 7.0 por OTA que está causando confusão para alguns usuários do Nexus 6. Para aqueles que querem garantir futuras atualizações OTA, será necessário voltar para o Android 7.0. Se você está enfrentando dificuldades depois de aceitar a atualização para o 7.0, por favor faça um reset de fábrica no seu dispositivo para ajudar a resolver os problemas. Para os usuários do Nexus 6 que pretendem instalar manualmente futuras atualizações do Android, é possível permanecer na versão 7.1.1.”

Via Android Police





RECOMENDADO PARA VOCÊ