Personagem das 'Meninas Superpoderosas' agora é programadora

As mentes por trás de “As Meninas Superpoderosas” mostraram que estavam atentas à atualidade quando resolveram trazer o desenho animado de volta, tanto que uma das personagens aproveitou o tempo de “descanso” para aprender a programar.

Christina Miller, presidente da Cartoon Network, informou ao TechCrunch que Lindinha, a irmã loira do trio, passará a usar habilidades hackers para salvar o mundo na série.

“Ao longo desta primeira temporada você descobre que a Lindinha é uma programadora muito proficiente”, afirmou a executiva. Um episódio que vai ao ar nesta semana nos Estados Unidos será o primeiro a mostrar a personagem usando as coisas que aprendeu.

A novidade coincide com o lançamento do “Make it Fly”, uma iniciativa entre a Cartoon Network e o Lifelong Kindergarten Group, do MIT, que ensinará a audiência a usar códigos para programar animações envolvendo o universo das Meninas Superpoderosas.

As crianças poderão tirar proveito do Scratch, uma popular linguagem de programação educacional (veja aqui).





RECOMENDADO PARA VOCÊ